Connect with us

Blogs

Sobrepeso e Obesidade e as consequências para a saúde

Nutricionista Maria Castro

O Excesso de peso corporal da população representa um dos principais problemas de saúde pública. A obesidade é uma doença caracterizada pelo acúmulo de gordura corporal, esse excesso é consequência de uma ingestão energética em grandes quantidades durante o dia, onde o consumo de alimentos altamente calóricos é maior que a quantidade de energia gasta em atividades físicas.

A obesidade está associada às doenças crônicas não transmissíveis (DCNT), como diabetes, câncer, hipertensão arterial e doenças cardiovasculares, sendo essas doenças responsáveis por 75% das mortes no mundo.

FATORES QUE CONTRIBUEM PARA O SOBREPESO E OBESIDADE:

O Excesso de peso sem dúvidas aumentou depois da facilidade em consumir alimentos de fácil acesso, como os alimentos industrializados e fast-foods, esses são refeições rápidas, pela praticidade e acaba sendo atraentes para a população nos dias atuais, principalmente por pessoas que trabalham e estudam, que vão pela facilidade de um alimento já pronto para o consumo. O grande problema é que esses alimentos possuem uma alta densidade calórica, ou seja, possuem grandes quantidades de calorias por grama de alimento. Alimentos industrializados e altamente processados são ricos em gorduras, açucares refinados, alto teor de sódio,  refrigerantes etc, são o que chamamos de “calorias vazias” ou seja são alimentos pobres em nutrientes, que não oferecem nenhum valor nutricional para nossa saúde, o que ocorre são prejuízos ao organismo que comprometem a saúde.

 

 SE VOCÊ BUSCA SAÚDE E QUALIDADE DE VIDA, TE DAREI ALGUMAS DICAS, CONFERE:

  1. Não pule refeições e respeite os horários de cada uma, a dica é procure ter uma alimentação balanceada e variada.
  2. Não prive o organismo de carboidratos, o que causa o aumento de gordura são as escolhas erradas. Portanto analise a qualidade dos alimentos que estar consumindo.
  3. Evite comprar e armazenar doces na geladeira, assim você evita aqueles ataques em horários inadequados.
  4. Consuma saladas de vegetais crus, saladas são ricas em fibras e ajudam na saciedade
  5. Tenha sempre frutas na bolsa, para evitar o ataque a alimentos não saudáveis
  6. Pratique atividade física regularmente. Parece uma orientação chata e repetitiva, mais acredite a alimentação deve estar associada a alguma atividade física, alem de ser algo fundamental para a perda e manutenção do peso saudável, contribuir para nossa saúde geral.
  7. Não busque dietas radicais e generalizadas que prometem grandes resultados em um tempo curto, pois não funcionam, dificultam a adesão a hábitos saudáveis e podem trazer malefícios a saúde. Portando não busque dietas prontas de internet, revistas, ou indicada por qualquer pessoa.
  8. Analise o rótulos dos alimentos, aquela lista de ingredientes, quanto menor for essa lista melhor.

 

E a superdica: Procure um bom acompanhamento nutricional, o nutricionista é o único profissional que irá te orientar de maneira correta à uma reeducação alimentar, traçando de acordo com seus objetivos e necessidades nutricionais, uma alimentação equilibrada e saudável.

 

Seja qual for seu objetivo, conquiste com saúde

Maria Castro CRN6: 24501/P

Nutricionista

Pós-Graduanda em: Nutrição Clínica, Esportiva e Estética

Contato

[email protected]

@mariacastro_nutri

86 9 9572-5213

 

PUBLICIDADE

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias Destaques

Facebook

Polícia

Mais Acessadas