Connect with us

Blogs

Artistas unionenses promovem mais um momento de arte e cultura na praça Barão de Gurguéia

Por Irla Milena

Publicado

em

Durante três dias (26,27 e 28 de novembro) a praça Barão de Gurguéia foi espaço de apresentação de cinema, dança e teatro ao ar livre. Dessa vez a programação foi gerenciada pelos professores Jesus Fernandes Sousa-“Pelé”, e Josué Cardoso Conhecido como “Juca” – fundadores da Escola de Artes JP,  em parceria com a confeitaria Doce Gratidão.

(Prof. Pelé no personagem Socorrona da peça Brega e Chique e Gerente da Doce Gratidão) 

A Escola de Artes JP existe há 7 anos com o foco no incentivo à cultura. Pelé, diretor da escola, concedeu ao CliqueCultura uma pequena reflexão sobre a cidade de União:

“A cidade de União é um celeiro de artistas, precisamos investir nos jovens ociosos, o objetivo da escola JP sempre foi incentivar a cultura e acho que a cultura deve ser neutra, sem lado político, a arte deve estar na praça e não entre quatro paredes, agradeço a família Doce Gratidão que abraçou o projeto”.  

 

Pelé afirma que sempre trabalhou com transparência e, durante seu discurso, ontem (28/11/2020), no encerramento do evento, revelou a todos que estavam na praça que a Escola JP foi contemplada com 50 mil reais na Lei Aldir Blanc e se sente muito feliz com o reconhecimento do seu trabalho e em poder ampliá-lo para conseguir engajar muito mais jovens da cidade em termos de arte e cultura.

A quadrilha Mexe-Mexe também foi contemplada no valor de 20 mil reais pela lei Aldir Blanc. A Associação Cultural Uniartes também aprovou 30 mil reais. Outros artistas unionenses também foram aprovados em outras categorias individual de bolsa estímulo e/ou banda. Para saber mais  sobre os valores acesse o site da secult. 

Esse momento de leis de incentivo à cultura crescendo em nosso município é um momento crucial e divisor de águas. Os incentivos impulsionam o desenvolvimento social, além de proporcionarem a facilidade de acesso à cultura e um maior intercâmbio e diversidade culturais. Cultura é patrimônio comum do povo, deve ser acessível e plural e precisa ser protegido.

Confira as fotos do último dia do evento com premiações aos participantes:

Fotos por José de Jesus 

 

 

“A esperança equilibrista sabe que o show de todo artista tem que continuar” (Aldir Blanc)

Cultura é movimento, cultura é atitude! Movimente-se!

 

Redigido por Irla Milena 

Formada em Licenciatura Plena em Música, é cantora, intérprete e compositora. Atualmente é colaboradora de Comunicação do Música Para Todos e Coordenadora Pedagógica e Musical.

Notícias Destaques

Facebook

Polícia

Mais Acessadas