Connect with us

Destaques

David Caldas vence, mantém tabu e conquista o Bicampeonato Rural

Publicado

em

Na noite de ontem (9), sábado, as equipes do Pedra de Fogo e David Caldas mediram forças na final do Campeonato Rural de União 2019. David Caldas vinha em busca do bicampeonato, enquanto o Pedra de Fogo vinha em busca do tão sonhado título; de quebra, a partida servia de revanche, já que as duas equipes se enfrentaram na final da copa Lunespo 2019 e, na ocasião, David Caldas levou o título após vencer de virada por 3 a 1. Clique neste link e relembre o título.

 

O público marcou presença e lotou o Estádio Sergisnando Alencar; antes da partida principal, houve uma partida preliminar entre a Seleção de União sub-11 e o Fluminense sub 11, de Teresina. O jogo das crianças terminou em 1 a 1.

Com arquibancadas cheias e, dentre os torcedores, estava o goleiro Marabá, do Pedra de Fogo, que devido a uma fratura, não pode estar em campo e viu de longe o seu rival, o Goleiro Edson, logo no início do jogo, fazendo uma boa defesa no chute de Renan.

O Jogo começou muito estudado e com muitas faltas; em uma delas, Renan arriscou novamente! Edson, mais uma vez, fez grande defesa e, no rebote, defendeu. David Caldas, por sua vez, apostava mais nos contra-ataques e com forte marcação no meio campo.

A partida já caminhava para a metade do primeiro tempo sem gol, quando após receber lançamento pela esquerda, Brenno Felipe se livrou de dois jogadores do Pedra de Fogo e bateu cruzado; o goleiro Edilson fez a defesa mas não conseguiu segurar, no rebote, Robute foi lá e fez: David Caldas 1, Pedra de Fogo 0. O gol gerou muita reclamação do time da Pedra de Fogo que contestou de uma suposta falta que o juiz não marcou e mandou o jogo seguir.

Com o gol sofrido e atrás do placar, o Pedra de Fogo tentava fazer pressão no campo adversário; no comando de ataque, Renan e Junior Saudade esbarravam na defesa sólida de David Caldas que afastava a bola do jeito que dava. Mesmo com mais posse de bola e escanteios a favor, Pedra de Fogo não conseguia chegar ao empate. O jogo se aproximava do fim do primeiro tempo e, em uma das poucas investidas de David Caldas, conseguiu um escanteio.

Na cobrança, a zaga pedradefoguense não conseguiu afastar totalmente e a bola sobrou para Barrãozinho encher o pé e fazer: David Caldas 2, Pedra de Fogo 0. Antes do fim do primeiro tempo, ainda deu tempo para o Edson, de David Caldas, fazer outra grande defesa no chute rasteiro de Junior Saudade; mas o placar ficou em: David Caldas 2, Pedra de Fogo 0.

O segundo tempo começou e, logo no início, novamente Junior Saudade colocou o Edson para trabalhar em cobrança de falta. O goleiro de David Caldas foi bem na bola e colocou para escanteio. No escanteio, Edson socou a bola e a zaga afastou por completo o perigo.

A vantagem no placar e com o tempo se esgotando, fez com que David Caldas apostasse ainda mais nos contra-ataques que eram sempre puxados pela dupla Breno e Robute. Pedra de Fogo pelo seu lado tentava, na base do abava e chutes de fora da área, diminuir o placar e continuar vivo na partida. O desgaste físico das duas equipes começou a pesar e o jogo foi perdendo intensidade. David Caldas começou a ter mais posse de bola e controlar o jogo. Em uma bela troca de passes, Barrãozinho recebeu a bola livre na entrada da área e só teve o trabalho de chutar de esquerda para fazer: David Caldas 3, Pedra de fogo 0.

Com o jogo se aproximando do fim, a torcida de David Caldas comemorava e, dentro de campo, seu time jogava uma partida sem muitos riscos: quando tinha a bola, não acelerava e, sem a bola, marcava firme sem dar espaço para a equipe do Pedra de Fogo que sentiu o terceiro gol e já sem forças buscava o gol de honra, mas sem sucesso.

Fim de jogo: David Caldas 3, Pedra de Fogo 0. David Caldas consagrou-se Bicampeã Rural! Além do título, o goleiro Edson de David Caldas foi eleito o melhor goleiro da competição e Barrãozinho, o artilheiro. Fecharam as premiações individuais: Melhor jogador: Cantidio (Pedra de Fogo), Melhor dirigente: Renan (Pedra de Fogo) e Jogador Revelação: Pedro Junior (Marajá).

Confira a cobertura completa em fotos da final do Campeonato Rural 2019.

Facebook

Notícias Destaques

Polícia

Mais Acessadas