Connect with us

Covid-19

Homem armado obriga enfermeira a aplicar vacina contra a COVID-19 em União

Publicado

em

Uma enfermeira foi obrigada a aplicar uma dose de vacina contra a covid-19 em um homem, após ser ameaçada pelo acusado dentro de uma Unidade Básica de Saúde (UBS) na zona rural do município de União. O homem seria de outro município, usou uma chave de fenda como arma para ameaçar e forçar a profissional de saúde a realizar a imunização.

“A profissional foi obrigada a aplicar a vacina nessa pessoa que é de outra cidade. Ele utilizou uma chave de fenda para intimidar a vítima. Não foi relatado para a gente nenhuma agressão física, só mesmo essa situação ríspida na UBS”, informou a Secretária ao portal GP1.

Elaine Melo contou que União tem uma equipe da PM, mas não é possível colocar um policial na porta de cada UBS da cidade. “Temos policiamento, mas não é possível colocar uma em cada UBS. Agora vamos fazer um planejamento nessa questão de segurança na distribuição das vacinas”, disse a gestora.

Após receber a 1ª dose do imunizante, o suspeito se evadiu do local, como se nada tivesse acontecido. Um Boletim de Ocorrência não chegou a ser feito junto a Polícia Civil do Piauí, porque as funcionárias da UBS temem retaliações por parte do acusado.

A imunização contra a COVID-19 só acontece após a segunda dose da vacina. Só consegue tomar a segunda dose quem fez o correto cadastro quando recebeu a primeira dose do imunizante.

 

Com informações do GP1

Notícias Destaques

Facebook

Polícia

Mais Acessadas