Connect with us

Geral

Jovem desaparecida após Enem teria dito que ‘não aguentava mais viver com a família’, diz testemunha

Publicado

em

O morador da cidade de União, distante 59 km de Teresina, que encontrou a jovem Giovanna Gabriely Belém Oliveira, de 17 anos, desaparecida desde o domingo (3) após realizar as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), disse que a adolescente tinha conhecimento das buscas que estavam sendo realizadas, mas que não tinha vontade de retornar para casa.

“Ela falou que sabia das buscas e que não queria ser encontrada. Ela também falou que a maneira mais fácil que ela tinha era fugir de casa e ficar o mais longe possível, pois não aguentava mais viver com a família”, contou à TV Clube o homem que não quis se identificar.

Familiares da adolescente relataram o alívio ao receber a notícia de que Giovanna tinha sido encontrada. A mãe da jovem, a enfermeira Keilla Belém, contou que recebeu da Polícia Militar a notícia da localização da filha.

‘’A major Cristina tinha feito o contato com o pessoal do COPOM e disse que tinha uma notícia muito boa para me dar, que minha filha tinha sido encontrada e gostaria que eu falasse diretamente com ela para que pudesse me explicar onde estava”, disse a enfermeira.

O capitão Miguel Luz, comandante da PM em União, informou que a jovem foi levada para a Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA) em Teresina. “Como se trata de um caso que gerou bastante comoção, haverá uma investigação para saber o que realmente aconteceu com essa jovem. Quando ela foi encontrada estava bastante nervosa e chorou muito”, afirmou.

Ainda segundo a Polícia Militar, a adolescente deixou a delegacia de União por volta de 22h dessa quarta-feira (6), acompanhada de uma representante do Conselho Tutelar e de policiais militares.

A família começou as buscas na noite do domingo (3), quando a jovem desapareceu após fazer a prova do Enem. Os pais da adolescente registraram boletim de ocorrência por desaparecimento. Imagens de câmeras de segurança da faculdade onde ela fez a prova mostravam o momento em que a menina deixou a faculdade sozinha, pela porta da frente, às 16h43.

Informações G1 Piauí – *Glayson Costa, sob supervisão de Jaqueliny Siqueira.

PUBLICIDADE

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook

Notícias Destaques

Polícia

Mais Acessadas