Connect with us

Destaques

Moradores dizem que toda noite falta energia elétrica no bairro São Sebastião, em União

A Equatorial se manifestou, através de nota, sobre problema de falta de energia no Bairro São Sebastião. Leia a nota na íntegra:

Nota – Fornecimento no bairro São Sebastião em União

Sobre a interrupção no fornecimento de energia no conjunto Melo Lobão, bairro São Sebastião, localizado no município de União, a Equatorial Piauí informa que vem trabalhando há dois dias na rede de distribuição que atende a unidade consumidora informada. Após a realização de diagnóstico, foram instalados espaçadores na rede de baixa tensão, com o objetivo de evitar interrupções e, assim, normalizar o fornecimento na região.

Atualização às 19h06 em 27 de agosto de 2021

Moradores do Bairro São Sebastião, no conjunto Melo Lobão, no município de União, relatam que, desde o dia 24 de agosto estão sofrendo com falta de energia elétrica no local, todos os dias durante a noite.

Uma moradora conversou com o Clique União e nos contou sobre o que vem passando. Teresa Cristina, 40, disse que “por volta das 23h00 da terça-feira, a energia faltou e só retornou às 8h00 do dia seguinte”, disse.

Ainda segundo a mulher, no dia 24/08, aconteceu a mesma situação, onde a energia faltou por volta da meia-noite, retornando apenas às 3h00 da manhã.

O problema é recorrente; no dia 25/08, às 21h houve a falta, retornando à meia noite.

“Toda noite falta energia aqui onde moramos, por isso estamos pedindo ajuda ao Clique União, pois já está anoitecendo e já estamos com medo de faltar novamente”, reclamou a unionense.

A mulher contou que foi pessoalmente à empresa Equatorial em União, para questionar a situação. Ela disse que o rapaz que a atendeu não tinha conhecimento do problema. “Isso é um descaso total da empresa. Tenho um filho pequeno, minha vizinha da frente tem um recém-nascido, estamos no começo do BR- O – BRÓ, a época mais quente do Piauí. É desumano passar a noite sofrendo com o calor e pernilongos, mesmo estando com todas as contas em dias pagas com essa fornecedora de energia”, lamentou Teresa Cristina.

A Ascom da Equatorial informou que irá verificar a questão. “Através do código único, iremos observar se o problema é isolado e qual seu histórico ou reincidência na região”, esclareceu a assessoria da empresa.

Notícias Destaques

Facebook

Polícia

Mais Acessadas