Connect with us

Destaques

Trabalhadores unionenses são resgatados em fazenda de cana de açúcar em Minas e Goiás

Redação

O Grupo Móvel de Combate ao Trabalho Escravo resgatou 212 trabalhadores em condições análogas às de escravidão que estavam prestando serviços em usinas de álcool e na produção de cana de açúcar em municípios de Minas Gerais e Goiás. Do grupo, 117 trabalhadores eram piauienses que haviam sido traficados para fins de trabalho escravo nos municípios de Araporã, em Minas Gerais, e Itumbiara e Edeia, em Goiás.

Os trabalhadores piauienses resgatados eram oriundos dos municípios de Isaías Coelho, Oeiras, Inhuma, União, São Raimundo Nonato, Conceição do Canindé, Regeneração, Francinópolis, Valença, Ipiranga do Piauí, Elesbão Veloso, Novo Oriente, Aroazes, Teresina, Gilbués, Lagoa do Sítio e Amarante.

O Procurador-chefe do MPT no Piauí, Edno Moura, destacou que esse é o segundo caso de resgate de trabalhadores piauienses em Goiás, apenas esse ano. Na primeira operação, 78 trabalhadores do Estado estavam entre os traficados. “Infelizmente, são muitos os piauienses que são traficados para outros estados, ludibriados com falsas promessas de bons salários, bons alojamentos e boa alimentação, contudo, ao chegarem o destino, descobrem que foram enganados, que, além de salários bem abaixo dos prometidos, as condições de trabalho são absolutamente degradantes. Estamos trabalhando para combater os traficantes e para conscientizar os trabalhadores dos riscos que essa migração pode conter. Para o sucesso do nosso trabalho, é fundamental a ajuda de toda a sociedade, formulando denúncias ao Ministério Público do Trabalho”, frisa.

De acordo com o Grupo Móvel, foram várias as irregularidades encontradas durante a fiscalização: havia a cobrança pelos aluguéis dos barracos usados como alojamentos, o não fornecimento de alimentação e cobrança pelo fornecimento de ferramentas de trabalho pelos empregadores. Além disso, não havia instalações sanitárias nas frentes de trabalho, fornecimento de equipamentos adequados de proteção e a aplicação de agrotóxicos ocorria nas áreas onde os trabalhadores estavam.

Além do Piauí, os trabalhadores foram traficados dos estados do Maranhão, Rio Grande do Norte e Bahia. O auditor fiscal do Trabalho, Roberto Mendes, que coordenou a operação, explica que, ao chegarem ao local de trabalho, o grupo foi encaminhado para cerca de 30 barracos. “A maioria desses abrigos eram extremamente precários e não possuíam as mínimas condições para serem usados como moradias. Alguns deles eram muito velhos, com as paredes sujas e mofas, goteiras nos telhados e não dispunham de ventilação adequada, sendo que em alguns dos quartos, sequer possuíam janelas. O banho era tomado com água fria, que saia diretamente do cano, mesmo nos dias mais frios e chuvosos”, explica. A Operação foi realizada de forma conjunta contando ainda com as presenças de representantes do Ministério Público do Trabalho, Ministério Público Federal e a Polícia Federal de Jataí.

Os trabalhadores chegavam a ter que pagar pelos colchões e, aqueles que não tinham condições, dormiam em redes ou mesmo no chão forrado com um pedaço de pano, ou papelão. As estruturas dos alojamentos eram tão precárias que não havia local adequado para armazenamento e preparo dos alimentos. “Muitos trabalhadores comiam a metade da marmita no café da manhã, já que não tinham outra coisa para comer”, completa o coordenador.

O Grupo identificou cinco empregadores que assumiram a responsabilidade pelos trabalhadores resgatados e concordaram em realizar os pagamentos das verbas rescisórias, que alcançaram R$ 2,57 milhões, acrescido de 50% desse valor como dano moral individual, totalizando R$3,855 milhões. O Ministério Público do Trabalho também propôs pagamento de dano moral coletivo, no valor de R$ 5 milhões, mas ainda sem acordo com as empresas.

Todos os trabalhadores resgatados, terão direito a receber três parcelas do seguro-desemprego. A Polícia Federal também instaurou inquérito policial para apurar a prática do crime de submissão de trabalhadores a condições análogas à de escravo.

Fonte: MPT-PI

 

PUBLICIDADE
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias Destaques

Facebook

Polícia

PUBLICIDADE

LEIA TAMBÉM

Destaques2 dias atrás

MEC retoma financiamento de 100% das mensalidades de curso superior pelo Fies

O governo Lula (PT) fez uma alteração no Fies (Financiamento Estudantil) e estipulou a retomada de financiamentos de 100% das...

Cidades3 dias atrás

26º BPM está há mais de 50 dias sem ocorrências de homicídios em União e Miguel Alves

A Polícia Militar do Piauí divulgou, neste domingo (18), que o 26º Batalhão da PM, responsável pelos municípios de União...

Destaques4 dias atrás

Povoado Divinópolis recebe a 1ª Edição de 2024 do Projeto União em Movimento

O Povoado Divinópolis recebeu a primeira edição de 2024 do União em Movimento. Através dos serviços itinerantes, as Secretarias Municipais...

Destaques4 dias atrás

Após matéria no Clique União, mulher encontra familiares que procurava há 50 anos

Maria Gecina Fernandes, que procurava por familiares na região do Município de União, conseguiu entrar em contato com os parentes...

Destaques4 dias atrás

Empregadores têm até o dia 29 para enviarem informe de rendimentos

Os empregadores têm até o dia 29 de fevereiro para enviar aos funcionários o informe com os rendimentos referentes a...

Destaques5 dias atrás

Abastecimento de água é restabelecido em David Caldas

O poço número 02, usado no abastecimento de água do Povoado David Caldas, ganhou uma nova bomba. No último dia...

Cidades6 dias atrás

Moto com restrição de roubo é encontrada estacionada com chave no contato, em Miguel Alves

A Polícia Militar recuperou uma motocicleta com restrição de furto/roubo na Avenida José de Deus Lacerda, no centro do município...

Destaques6 dias atrás

Motociclista é hospitalizado após colisão no centro de União

Um homem foi levado ao hospital com suspeita de Traumatismo Crânio Encefálico, após dois motociclistas colidirem na tarde desta quinta-feira...

Geral6 dias atrás

Começa o pagamento do PIS/Pasep 2024; confira se você tem direito

O pagamento do abono salarial PIS/Pasep 2024, referente ao ano-base 2022, começa nesta quinta-feira, 15. Nesta primeira rodada de pagamentos,...

Blogs6 dias atrás

Centro Cultural de União abre Inscrições para Oficina de Dança Gratuita para Crianças

O Centro Cultural Benedito Martins Napoleão do Rêgo abre inscrições para o projeto “Corpo Lúdico – Oficina de dança para...

PUBLICIDADE

clique união

PUBLICIDADE

Mais Acessadas